29 de set de 2009

ÍDÉIAS INTERNACIONAIS


Sabemos que o que as noivas mais procuram são idéias para fazer festas originais e casamentos únicos. A partir de agora, iremos lhe dar algumas idéias do que se faz em Espanha, Itália e EUA.
Os casamentos em Espanha
1 - Iluminar, à noite, os espaços com velas.

2- Quartetos de violino para acompanhar o jantar.

3 - Partir para despedidas de solteiros noutros países (Roma e Lisboa são as cidades eleitas).
Casamentos em Itália
1 - Em Itália, no fim da festa de casamento, os noivos têm o hábito de oferecer uma pequena lembrança aos convidados, que se chama “bomboniera”, com os melhores e mais prestigiados bombons, com caramelos de açúcar com uma amêndoa dentro.

2 - Despedidas de solteiros em SPA ou com um fim-de-semana alugando um barco com um grupo de amigas.

3 - Muitas vezes as noivas casam-se no campo e usam, com uma decoração na igreja um tapete de flores, desde a entrada até ao altar.
Nos EUA
1 - Nos EUA celebram-se cada vez mais casamentos pequenos (10 pessoas), num destino exótico.

2- O bolo de noivos pode ter um papel muito importante. Depois do vestido de noiva, é onde se recaem as principais atenções.

3 - A música de abertura do baile é tudo menos tradicional.

3 de set de 2009

BUQUÊS DE NOIVA



BUQUÊS DE NOIVA







O vestido da noiva é perfeito, a decoração da igreja está linda e a felicidade do casal é visível. O que falta para tornar esse cenário ainda mais especial? O tradicional buquê ganha cada vez mais espaço nos casamentos atuais. "Antigamente as noivas subiam ao altar com ramos de arruda ou pimenta, pois acreditavam que, assim, afastariam a inveja. O que era só superstição se transformou em uma das peças-chave da cerimônia", afirma a gerente-comercial da floricultura online Florencanto, Ana Lucia Bernardes.












Arranjos e formatosA escolha do buquê certo depende do biótipo da noiva, do estilo de casamento e do horário em que a cerimônia será realizada. Existem três opções no mercado. "Hoje em dia, o modelo mais procurado é o redondo, pois é mais clean e moderno", garante Ana Lucia Bernardes. Esse formato é apropriado para as noivas de baixa estatura e magras, e pode ser usado tanto de dia quanto à noite. O buquê do tipo cascata tem um visual bem natural e é indicado para as mulheres altas ou mais gordinhas, além de combinar melhor com os casamentos realizados à noite.






Os buquês feitos de folhas servem para atrair boas energias para o casal. A cor verde traz esperança aos corações apaixonados
Já o buquê estilo braçada tem um ar casual e é perfeito para as cerimônias que acontecem pela manhã ou ao ar livre. Também fica bem nas noivas de maior estatura e que estão acima do peso.
Flores e cores


A flor campeã entre as noivas é a rosa, mais indicada para os buquês redondos. Para os do tipo cascata são recomendadas orquídeas, lírios e copos-de-leite. Já para o buquê braçada, lírios, tulipas, alecrim, orquídeas, rosas e copos-de-leite caem perfeitamente bem. Segundo Ana Lucia Bernardes, a cor vermelha ainda é a favorita entre as mulheres que vão se casar, mas também fazem sucesso os tons de azul e lilás. Anote: os buquês feitos de folhas servem para atrair boas energias para o casal. A cor verde traz esperança aos corações apaixonados. Para os casamentos realizados durante o dia, é preferível usar flores com cores mais suaves. Os buquês com tons mais fortes e intensos estão liberados para as cerimônias noturnas. O clássico branco combina com qualquer estilo de casamento.



Detales que fazem a diferença
Alguns detalhes podem deixar o buquê sofisticado e charmoso. Para o acabamento dos arranjos, os profissionais têm utilizado broches, jóias, alfinetes, pérolas, strass, arames coloridos, canela, laços, plumas, frutas, tecidos naturais e purpurina. As fitas de cetim e tule, material preferido das noivas, simbolizam o enlace do casal. "Se o vestido tiver muito brilho, evite o brilho no buquê. O mesmo acontece com os laços. Esses cuidados são necessários para que o visual da noiva não fique muito pesado".

DICAS IMPORTANTES PARA ESCOLHER SEU BUQUÊ




Para cada noiva existe um tipo de bouquet. Independentemente de tudo, o bouquet necessita de estar em harmonia com o vestido, o estilo da noiva, a sua estatura, e o seu estilo. E, fique a saber que as cores mais usadas, depois do branco, são os tons laranja, lavanda, e cor-de-rosa. Para noivas usadas os bouquets com flores vermelhas são lindos! Leia aqui os oito passos essenciais para escolher o seu bouquet.
1 - Nunca se usa a mesma flor do bouquet na decoração.

2 - Depois de decidir qual o modelo que pretende, e escolher as flores, é necessário pensar no lado pratico e no conforto do bouquet. A maioria dos floristas aconselham a cobrir o caule com um tecido agradável ao toque e fácil de segurar. Pode ser o mesmo vestido do tecido, cetim ou gorgorão.

3 - Verifique a antecedência com que o buquê é entregue. De preferência duas horas antes da cerimônia. Assim, as flores mantêm-se frescas.

4 - Se o buquê for entregue na véspera, não se esqueça de colocar em água e, quando o tirar, limpar o caule.

5 - É aconselhável ser a noiva a levantar ou a receber o buquê, pois saberá exatamente se corresponde ao que foi encomendado. Desta forma, evita que as flores entregues sejam diferentes das flores escolhidas.

6 - Quando segurar o buquê, encoste o antebraço na lateral da cintura. Dessa forma, não haverá como se enganar relativamente à altura em que deve pegar nas flores.

7 - Na igreja, enquanto estiver em frente ao altar, poderá pousar o buquê ou pedir à sua Mãe ou madrinha que o segure.

8 - Se quer ter um toque de sofisticação, inclua no buquê a flor que servirá para adornar a lapela do seu noivo. Quando chegar ao altar, coloque a flor no fraque do seu noivo!

História e tradição do bouquet

O costume da noiva levar um buquê começou na Grécia Antiga. No entanto, na altura, os bouquets eram constituídos por ramos de ervas e alho para atrair bons fluidos e afastar o mau-olhado, garantindo uma união duradoura. Em Roma, era comum a noiva levar um ramo de ervas, significando fidelidade e fertilidade. Na Polônia, no século XVIII, o buquê costumava ser salpicado com açúcar para adocicar o temperamento das noivas. Ao longo do tempo, diferentes sociedades acrescentaram novas interpretações ao buquê. Recentemente, as ervas foram substituirdes por flores. Primeiro apenas uma flor, depois os ramos com diferentes tamanhos e feitos de acordo com o gosto da noiva. Atualmente, os bouque têm diferentes flores, formatos, cores e feitos, segundo o estilo do vestido e personalidade da noiva. Inspirado em revistas, opiniões, flores da época e tudo o mais, escolha já o seu!